AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Boa noite - Itabira, quinta, 19 de setembro de 2019 Hora: 20:09

COLUNISTAS
Marcos Gabiroba e a crônica da semana “Você também é responsável”
02/09/2019

Meus amigos e ouvintes, na vida há certas decisões que uma pessoa precisa tomar que não podem ser adiadas ou você ter que esperar. Quando se espera, mais complicada ficará a situação e mais complexo se tornará o problema. Tomar decisões nem sempre é fácil. Partir para a ação, ou melhor, programar a decisão tomada é, muitas vezes, ainda mais difícil. Na vida cotidiana vemos, muitas vezes, pessoas como eu mesmo que ficam adiando ou esperando o momento mais propício para se tomar uma decisão, mesmo sabendo que não haverá outra para solucionar o problema surgido, na empresa, em casa, no trabalho, ou até mesmo numa associação que você pertença. Com essa atitude estamos enganando a nós mesmos, dando mais uma chance e o problema só tende a aumentar, não é mesmo?

Pela vida afora conhecemos pessoas com características decisivas que já tomaram decisões corretas, porém, não tiveram coragem de levá-las à frente. Param no meio do caminho, como se diz no meio empresarial. “A decisão está tomada”: “Estou apenas esperando a oportunidade certa para implementá-la” dizem, quando não têm coragem ou responsabilidade necessária para a execução da decisão tomada.

Isto acontece nas grandes, médias e pequenas empresas, no trabalho, em casa e na vida afora, porém, é de bom alvitre que, quando este fato acontece, o problema continua e você que deveria tomar a decisão e não a tomou você, simplesmente está adiando o que deveria, de fato, fazer imediatamente. Concordam vocês, caros ouvintes com o nosso raciocínio? Porém, em algumas situações, o ideal é esperar a melhor oportunidade para levar adiante a decisão para que esta não seja injusta, nem desproporcional ao fato que a gerou. Mas, quando o objetivo é resolver um problema, nem sempre essa é a verdade. Cabe a cada um, com responsabilidade e respeito refletir com muito cuidado sobre o momento certo e apropriado para agir, lembrando que a demora pode induzi-lo a postergar o que deveria ser feito de imediato, não é mesmo?

Assim, meus amigos e amigas ouvintes, quando você tiver um problema, seja ele qual for enfrente-o com responsabilidade que o cargo lhe possibilita, por mais difícil que seja a situação encontrada e a posição das pessoas envolvidas, acima de tudo, com humildade e respeito. Caso você for deixando sua decisão sempre para depois, o leite já estará derramado e os problemas cada vez maiores, a tal ponto que você não tenha mais condições de resolvê-los e o barco já afundou. Não tem volta. Enfrentar os problemas de frente e encarar a dura realidade de resolvê-los, muitas vezes com o sacrifício de algumas coisas ou pessoas, é o caminho certo para o sucesso pessoal e, porque não, o empresarial também. Pensem nisso.

No Livro dos provérbios lá encontramos no Cap. 16.32: “Melhor é o homem paciente do que o guerreiro, mais vale controlar o seu espírito do que conquistar uma cidade”. Trazendo este texto para nossa realidade de hoje em dia, no trabalho, na vida conjugal, até mesmo no meio social entre amigos podemos ajustar a responsabilidade do ser humano à paciência e à humildade. O domínio próprio é a mais difícil das conquistas – sou prova disso. Luto continuamente contra mim mesmo: minhas tendências, incoerências, pensamentos maus, orgulho, prepotência e essa minha insistente ansiedade e impaciência querendo fazer tudo por mim mesmo, às vezes, com irresponsabilidade sem esperar pela orientação ou pela ação de Deus em minha vida, levam-me a deixar para depois uma decisão. E, quando as tomo, muitas vezes dou-me com os burros n’água como se diz na gíria moderna.

Paciência, humildade e responsabilidade são o trio de ações que devemos ter em espírito para conquistarmos nossos objetivos profissionais em um mundo cada vez mais competitivo. O sucesso só poderá ser alcançado em qualquer setor da vida humana por pessoas como você, caro ouvinte, isto é, pessoas comprometidas com a qualidade, o atendimento, o baixo custo e a inovação. Tudo isto advindos de dentro de você mesmo, portanto, frutos da razão e distante das fórmulas mágicas tão usuais que, às vezes, envenena o trabalho, a família e, por fim, sua vida.

Queremos neste encontro de hoje dizer-lhes que você também é responsável, principalmente, quando, em casa, no trabalho ou no cotidiano de suas funções hierárquicas toma uma decisão na hora inadequada, errada mesmo. Primeiramente devemos ser o primeiro a mudar as situações ou problemas inadequados de nós.

Depois, saber ouvir as reclamações dos insatisfeitos – eles existem em toda parte da vida humana. A desculpa é sempre a mesma: se ninguém faz, porque eu farei.

Seja um responsável de seus atos em sua vida e ela lhe sorrirá pela felicidade esatisfação do dever cumprido. Pensem nisso. Ser responsável é também tentar ser um bom cristão. Conheço muitas pessoas que não fazem uso da responsabilidade no que exercem e, quando surge uma oportunidade de agirem com responsabilidade pulam para o lado do “achismo”, isto é: “eu acho que deveria ser assim”; “vamos fazer este trabalho porque “eu acho” que este é o melhor caminho para a solução dos problemas”. Você caro ouvinte já observou quanto o “eu acho” incorporou ao dicionário de sua vida e na vida de uma administração? Pensem nisso, pois a vida continua até você encontrar o “eu acho” dentro de você.








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2019. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.