AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Boa madrugada - Itabira, sexta, 25 de maio de 2018 Hora: 02:05 14 ºC
Velocidade do vento: 6.44 km/h
Nascer do Sol: 6:17 am e pôr do Sol: 5:22 pm

GERAL
Dados Preocupantes Febre amarela já matou 61 pessoas em Minas, revela Secretaria de Saúde
07/02/2018

O número de mortes causadas pela febre amarela subiu de 36 para 61 em Minas Gerais, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Outros 16 óbitos são investigados por meio de exame laboratorial. Desde julho do ano passado, foram confirmados 164 casos da doença e outros 301 casos ainda estão sendo investigados.

Conforme os dados, do total de confirmados, 92,1% (151) são do sexo masculino e 7,9% (13) feminino. As informações são do boletim epidemiológico, divulgado nesta terça-feira (6).

De acordo com o levantamento, a cobertura vacinal da febre amarela em Minas está em torno de 83,38%. Em nenhum dos casos confirmados há relato de vacinação para a doença.

As cidades com maior número de mortes confirmadas são Mariana, na região Central do Estado, e Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Foram confirmados seis óbitos em cada um desses municípios.

As regiões onde há uma incidência maior da doença, desde julho do ano passado, são a Grande BH, a Central e a Zona da Mata. Veja o número de casos confirmados da doença conforme as cidades onde residem as vítimas:

No primeiro período de monitoramento da doença pela pasta, entre julho de 2016 e junho de 2017, foram registrados 475 casos confirmados de febre amarela no Estado, sendo que destes, 162 evoluíram para óbito.

Reprodução Hoje Em Dia








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2018. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.