AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Boa madrugada - Itabira, quinta, 21 de junho de 2018 Hora: 05:06 12 ºC
Velocidade do vento: 6.44 km/h
Nascer do Sol: 6:26 am e pôr do Sol: 5:23 pm

ESPORTE
Apito final, La U 0 x 0 Cruzeiro: A batalha continua!
20/04/2018

Fotos: Vinnicius Silva / Cruzeiro

Alisson Guimarães

O Cruzeiro entrou em campo mais uma vez pela Copa Conmebol Libertadores. Na noite desta quinta-feira, a equipe celeste empatou em 0 a 0 com a Universidad de Chile, no Estádio Nacional, em Santiago, em partida válida pela terceira rodada do Grupo 5.

Com o resultado, a Raposa ocupa agora o 3º lugar da chave, três pontos atrás do time chileno. As duas equipes voltam a se encontrar na próxima quinta-feira, no estádio Mineirão, na abertura do returno do grupo.

Parou na trave

Os primeiros 20 minutos de jogo foram bastante concentrados no meio de campo. O Cruzeiro, modificado em relação às partidas anteriores, com Lucas Silva, Mancuello e Rafinha nos lugares de Ariel Cabral, Robinho e Rafael Sóbis, teve suas melhores justamente com o camisa 16 em chutes de média distância. Um deles acertou o travessão adversário, no lance mais perigoso do primeiro tempo.

Na etapa complementar, os anfitriões levaram perigo em uma bola cabeceada por Soteldo, interceptada por grande defesa de Fábio.

Na segunda metade do segundo tempo, as principais chances foram cinco estrelas. De Arrascaeta, em grande arrancada pela esquerda, também acertou a trave.

Thiago Neves levou perigo em duas finalizações e Sassá criou ótima chance nos minutos finais, interceptada pela defesa adversária.

Comportamento da equipe

Em sua avaliação da partida, o técnico Mano Menezes destacou que o Cruzeiro enfrentou dificuldades no início do jogo, mas, aos poucos, foi se encontrando dentro da partida.

“Pensamos o jogo de maneira a mudar o posicionamento da equipe, com duas linhas de quatro, porque enfrentaríamos uma equipe com linha de três. Jogamos com dois atacantes de movimentação, não são de área, Thiago Neves e De Arrascaeta. Tivemos um pouco de dificuldade no início, mas aos poucos fomos entrando no jogo, com mais tranquilidade. No segundo tivemos quatro boas chances de marcar e sair com a vitória. Acho que a equipe se comportou bem, buscou vencer o jogo no momento em que o jogo se abriu, que a Universidad de Chile nos deu espaços para construirmos nossas jogadas ofensivas. Não conseguimos vencer, mas voltamos à competição”.

Aposta na força do Mineirão

Com dois pontos em três jogos, a Raposa agora disputará dois dos três próximos jogos no estádio Mineirão. E é na força do Gigante da Pampulha que o comandante celeste aposta para garantir a classificação.

“Agora, vamos ter o mesmo adversário na nossa casa. Quinta-feira precisamos lotar o Mineirão, a Toca 3, e sermos um Cruzeiro forte como estamos sendo em casa, em jogos decisivos, para construirmos essa vitória que é vital nesse momento na competição”, projetou.

UNIVERSIDAD DE CHILE 0 X 0 CRUZEIRO

Motivo: 3ª rodada do Grupo 5 da Copa Conmebol Libertadores

Data: 19/04/2018, quinta-feira

Local: Estádio Nacional do Chile, em Santiago

Público: 45.084

Árbitro: Victor Carrillo – PER (FIFA)

Universidad de Chile: Herrera; Vilches, Echeverría e Contreras (Guerra); Rodríguez (Schultz), Reyes, Pizarro e Monzón; Araos, Soteldo e Pinilla. Técnico: Guillermo Hoyos

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Dedé, Leo e Egídio; Henrique, Lucas Silva (Ariel Cabral) e Mancuello (Robinho); Rafinha, Thiago Neves e De Arrascaeta (Sassá). Técnico: Mano Menezes

Cartões amarelos: Lucas Silva e Dedé (Cruzeiro); Vilches e Reyes (Universidad de Chile)








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2018. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.